sexta-feira, 30 de março de 2012

Sementes''


Não é tão fácil explicar tamanha dor você pode causar! Te de meu coração em prova do meu AMOR... Mais que penaaa você desperdiçou.. Desperdiçou todas as oportunidades que eu pude te dar.. Seráa que foi o bastante? Por que me fez chorar enquanto eu apenas queria te amar? Eu fui fiel e respeitar meu amor.. Enquanto eu em casa chorava de tanto te amar você buscava diversão pra seu libido saciar... Eu não fui tolo em muitas vezes te perdoar, pois sempre vejo no melhor que o amor possa me dar!!! Mais você não foi capaz de levar este fardo verdadeiro por issso preferiu continuar no erro.. Mais saibas que tudo que fiz não foi em vão aprendi que algo ruim muito bem pode me fazer...... Não perdi meu tempo, pois você foi um professor que me mostrou o quão digno sou, bem que você poderia levar pela vida inteira o meu coração mais você não foi capaz e me deixou na mão!!! Hoje vou ser diferente com coração aberto eu planto a semente... Semearei e colherei bons frutos.. Cultivarei meu jardim........ Até que eu possa ser feliz um dia quem sabe.....

Por: Crystyano Nunes

terça-feira, 27 de março de 2012

ESSE AMOR QUE NÃO ACABA



Oh, como dói
Esse amor que não acaba.
Quanto mais te odiava
Mais eu te amava.


O que fazer pra te esquecer?
Talvez só a morte resolva.
Porque enquanto eu viver,
Meu amor será você.


Que amor malvado
Não foi correspondido
Mas insiste em brigar comigo.


Oh, como dói
Esse amor que não acaba...

Autor: Francisco Jardson Pires

domingo, 18 de março de 2012

As coisas que Vives

 
 
Quando a amizade
atravessa o coração,
Deixa uma emoção
que não se vai.

Não sei como te dizer
Mas só acontece
quando duas pessoas
fazem juntas um vôo.
Que nos leva no alto,
além dos outros,
como se desse um salto
na imensidão...
E não tem distância, nunca tem
Não tem suficiente, se
se tu já estás dentro de mim,
para sempre...

Em qualquer lugar estarás,
Em qualquer lugar estarei,
Entre as coisas que vives
Eu para sempre viverei.
Em qualquer lugar estarás,
Nós nos encontraremos juntos,
Abraçados um com o outro,
Além do destino...

Em qualquer estrada,
Em qualquer céu,
E de qualquer jeito que seja,
Nós não nos perderemos.
Abra teus braços,
Manda-me um sinal,
Não tenha medo, que te encontrarei
Nunca estarás sozinho, eu lá estarei
Continuando o vôo que,
que me conduz para dentro de ti
Para sempre

Em qualquer lugar estarás,
Em qualquer lugar estarei,
Entre as coisas que você vive
Eu para sempre viverei.
Em qualquer lugar estarás,
Não existirão limites
Somente dois amigos
Mais próximos

Acredite em mim,
Não tenha nunca dúvidas,
Todas as coisas que vives
Se forem verdadeiras como nós,
Eu sei, sabes tu
Que não acabarão jamais...

Em qualquer lugar estarás,
Em qualquer lugar estarei,
Entre as coisas que vives
Eu para sempre viverei.

Em qualquer lugar estarás,
Em qualquer lugar estarei,
Se me procuras no coração
No teu coração viverei...
Em qualquer lugar estarás,
Nós nos encontraremos juntos,
Abraçados um com o outro
Além do destino!

Em qualquer lugar estarás,
Em qualquer lugar estarei,
Entre as coisas que vives
Eu para sempre viverei.
 
(Laura Pausini - Música Original: Le cose che vivi)

sábado, 17 de março de 2012

Paixão Proibida





Essa paixão eu nunca terei
Somos distantes e diferentes.
Você não pretende me ver
E eu não quero te querer.


Não tente me deixar triste
Pois alegre é o que sou.
Mesmo longe você assiste
Cada sorriso que dou.


Fala comigo, me procure,
Mas não permita que 
Eu me iluda.


Não quero um amor
Que acabe logo.
Mas sim uma amizade
Duradoura.

(Dedicado a minha amiga Marluce Ricardo)
Autor: Francisco Jardson Pires

domingo, 11 de março de 2012

Eu vou me Vingar



Por você fui decepcionado.
Mas é certo de que eu vou me vingar.
Enquanto eu pensava estar sendo amado
Você continuava a me enganar.

Quero ver você sofrer.
Quero ver você destruído.
Me iludiu por prazer
E deixou meu coração ferido.

Um dia cara a cara
Você vai me pagar.
Por ter feito eu sofrer.
Por ter fingido me amar.

Eu vou me Vingar!

Autor: Francisco Jardson Pires

sexta-feira, 9 de março de 2012

Caminhos



Caminhos podem se cruzar
Pessoas podem se amar.
A força do destino quem irá
Mandar e desmandar.

Viver a magia do momento
Com alguém que você ama
É gostoso em casa, na rua, 
na cama...

Os caminhos nos empurram
Para o mar da paixão,
Para uma vida de alegria,
Ou de uma eterna solidão.

Caminhos podem se cruzar,
mas jamais podem errar...

Autor: Francisco Jardson Pires