domingo, 21 de agosto de 2011

Aula chata




Aqui nesta sala
Me sinto quase perdido.
Sentado na marra,
Com o coração partido.

A professora tanto fala,
E eu não entendo nada.
Será que irei bem na prova?
Ou será feita minha cova?

Quanto mais as horas passam
Mais inquieto eu fico aqui.
Estou rezando pra tocar
Para logo eu sair.

Devo escolher o que fazer
Ficar parado feito estátua
Ou começar a escrever.

Momentos bestas aqui estão
Acho que vou abrir mão.
Mas às vezes tenho medo
De ser chamado à direção.

Autor: Francisco Jardson Pires do Nascimento

2 comentários:

  1. Olá Jardson
    Adorei esse teu poema. Simples, mas muito sincero. Tenho certeza de que um monte de gente se sente assim durante as aulas, então você capta o sentimento de muitos.
    Só acho que vc não deveria colocar música no teu blog... quando a gente está ouvindo música no computador e acessa, fica uma briga de sons...
    Um abraço, obrigada pela visita no Poesia Pura...

    ResponderExcluir
  2. Obrigado também pela sua retruição em visitar meu blog, e pela dica em relação a musica. Espero te-la sempre como visitante do meu blog.
    Bjoss!

    ResponderExcluir

Iai o que achou? Dê sua opinião!! :)